diHITT - Notícias Arolde de Oliveira: Fevereiro 2008

sexta-feira, 29 de fevereiro de 2008

A Aniversariante, segundo o escritor Stefan Zweig


Amanhã, 1º de março, a cidade do Rio de Janeiro estará aniversariando: são passados 443 anos desde sua fundação . Para homenageá-la e a todos os cariocas, o texto do grande escritor Stefan Zweig, que aqui morou.
No Rio, a vida pode ser boa para todos. A idéia de aqui ser rico, de viver em uma dessas casas maravilhosas cercadas de parques e situadas nos outeiros da Tijuca é muito sedutora. É mais fácil ser pobre aqui do que noutra grande cidade. O mar é livre para o banho, e a beleza para todos os olhos; as pequenas necessidades da vida custam pouco dinheiro; as pessoas são afáveis e é infinda a multiplicidade das pequenas surprêsas diárias que fazem feliz uma pessoa, sem que ela saiba o porquê disso. Há na atmosfera, algo de brando e repousante que faz com que o indivíduo se torne menos combativo, talvez também menos enérgico. Esta paisagem, com tudo o que é belo e sem-par na terra, dá ao indivíduo um misterioso consôlo. De noite com os milhões de estrêlas e luzes; de dia com as côres claras e vivíssimas, ardentes e explosivas; no crepúsculo com a sua leve neblina e jogos de nuvens, em seu calor fragrante e em seus aguaceiros tropicais, esta cidade é sempre encantadora. Quanto mais tempo a conhecemos, tanto mais gostamos dela. Mas quanto mais tempo a conhecemos, tanto menos podemos descrevê-Ia. [1936]

quinta-feira, 28 de fevereiro de 2008

Fim de Posto na Barra leva vistoria de táxis para o Detran

Medida da Prefeitura reduz despesas de taxistas, que terão uma só inspeção

A Secretaria Municipal de Transportes baixou ontem uma resolução alterando o procedimento para a realização de vistorias de táxis no Rio. Pela norma publicada no Diário Oficial, a partir de agora os taxistas não precisam mais submeter seus carros a duas inspeções, a do Departamento de Trânsito (Detran) e da Prefeiturea do Rio.

Pela nova regra, basta que o taxista faça a vistoria do veículo no Detran e apresente os documentos obrigatórios e qualquer uma das dez coordenadorias regionais de transportes do governo municipal.

A alteração foi decidida devido ao fechamento do posto mantido pela secretaria no Terminal Alvorada, na Barra da Tijuca, o único responsável pela vistoria dos táxis. O lugar foi desativado na semana passada, a partir de um decreto do prefeito Cesar Maia, para servir às obras de construção da Cidade da Música. Com a mudança, os taxistas poderão seguir o calendário anual do Detran.

Aonde ir:

Centro - Rua do Riachuelo , 257

Leblon - Rua Bartolomeu Mitre, 1297

Vila Isabel - Rua Visconde de Santa Isabel, 34

Engenho Novo - Rua 24 de Maio, 931

Ilha - Rua Orcadas, 435

Irajá - Rua Monsenhor Félix, 512

Barra da Tijuca - Avenida Ayrton Senna, 2001

Bangu - Rua Silva Cardoso, 349

Campo Grande - Rua Dom Pedro, 1

Santa Cruz - Rua Femanda, 155

(Jornal Extra)

terça-feira, 26 de fevereiro de 2008

DEM inova em Queimados

A Câmara Municipal de Queimados terá sessão noturna a partir de hoje, das 19 às 22h. A decisão foi tomada pelos parlamentares com base em solicitação feita pelo vereador Robson Silva de Souza (DEM). De acordo com o vereador, integrante da Comissão de Constituição e Justiça da Casa, a medida tem como objetivo otimizar os trabalhos dos legisladores, possibilitando também a maior participação da população em relação ao trabalho exercido pelos parlamentares.
- Como Queimados é uma cidade dormitório, a maioria da população estava reclamando de não poder assistir às sessões da Casa por conta do horário entre 10h e 14 horas. Esse é um período em que as pessoas estão trabalhando e ficavam impedidas de fiscalizar a nossa atuação, explicou o vereador.
Ainda de acordo com Robson Silva de Souza a mudança no horário vai possibilitar uma maior transparência nos trabalhos da Casa.
- Além de otimizar o nosso trabalho, pois teremos mais tempo para atender, de fato, aos moradores da região, teremos uma sessão administrativa também, informou ainda o parlamentar.
As sessões na Câmara de Queimados acontecem todas as terças-feiras, das 19h às 22h. (Ass. Comunicação, 26.02)

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2008

ACM Neto cobra cargo para oposição na CPI de Cartões

Novo líder do DEM na Câmara diz que oposição vai continuar dialogando com o governo para tentar obter cargo
BRASÍLIA - O líder do DEM, deputado Antônio Carlos Magalhães Neto (BA), afirmou que a oposição vai insistir em ocupar um dos principais cargos da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) mista que vai analisar os gastos com cartão corporativo. Ele argumentou que ter a presidência da Comissão, por exemplo, é uma segurança para evitar manipulações de quem não tem interesse em investigar. "Com um presidente comprometido com a investigação, as chances de a CPI ter êxito são maiores", afirmou.
(Extraído do Estadão Online, 22/2)

Nova sinalização nas ruas do Rio


Começa hoje a instalação de novas placas de sinalização viária e orientação turística resultantes do convênio firmado entre as secretarias municipais de Transportes e de Turismo com a Caixa Econômica Federal. Serão instaladas 500 placas no primeiro semestre, em vários pontos da cidade. Como suporte, serão instalados 300 postes resistentes a ventos de até 120 km/h, além de outros materiais de sustentação.

De acordo com a Secretaria Municipal de Transportes, as primeiras placas serão colocadas nas pistas central e lateral da Avenida Armando Lombardi, Barra da Tijuca, no sentido Recreio dos Bandeirantes. A iniciativa para dotar ruas e avenidas de melhor sinalização representa investimento da ordem de R$ 1,7 milhão.

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2008

O melhor cabo eleitoral na eleição para Prefeito, segundo O Dia


A página Rio, do jornal O Dia Online, publica nesta quarta-feira, uma enquete em que pergunta quem é o melhor cabo eleitoral na eleição para Prefeito do Rio. O Prefeito Cesar Maia recebeu 68% dos votos.
Quem é o melhor cabo eleitoral na eleição para prefeito do Rio?
Cesar Maia 68,0% (602 votos)
Garotinho 6,0% (53 votos)
Lula 13,4% (119 votos)
Sérgio Cabral 12,5% (111 votos)


(Enquete de O Dia Online/Rio, 20.02)

terça-feira, 19 de fevereiro de 2008

Comissão estudará trens para o Pólo de Sta. Cruz

O Secretário municipal de Transportes Arolde de Oliveira integra a comissão que vai estudar a oferta de transporte ferroviário para atender aos trabalhadores do Pólo Industrial de Santa Cruz. A iniciativa tem o objetivo de ampliar a infra-estrutura de transporte público diante da grande demanda a ser criada com o desenvolvimento industrial previsto para a região.
O grupo de trabalho é coordenado pelo Instituto Municipal de Urbanismo Pereira Passos (IPP) e, além de contar também com membros das secretarias municipais de Urbanismo e Obras, vai convidar a participar representantes da Supervia, Companhia Siderúrgica do Atlântico, Cosigua, Secretaria Estadual de Transportes e Distrito Industrial de Santa Cruz. (Extraído do Portal da Prefeitura, 19/2)

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2008

Fim dos fumódromos à vista


Governo federal quer acabar com as áreas para fumantes e aumentar o preço dos cigarros

Os fumódromos — aqueles espaços reservados para tabagistas em locais públicos e particulares — podem estar com os dias contados. Até o fim do mês, o Congresso deve votar a proposta do governo que pede a retirada de trecho do artigo 2º da Lei 9.294/96, que prevê a existência de áreas destinadas para fumantes em bares, hotéis e restaurantes, entre outros estabelecimentos. A médio e longo prazo, o governo estuda também a possibilidade de aumentar o preço dos maços de cigarro.

(O Dia Online)

Obama pode se tornar o primeiro presidente negro dos EUA


Barack Obama negro e filho de muçulmano e de sobrenome Hussein já foi classificado como "a grande esperança dos brancos" pela imprensa americana, ao incorporar o sonho de reconciliação e ao se colocar acima das divisões raciais do país.

Diferentemente de Hillary Clinton que freqüentemente evoca o "marco histórico" que seria alcançado caso se tornasse a primeira mulher presidente dos EUA o senador Obama raramente menciona diferenças de cor em seus discursos de campanha.

"Não há um EUA branco e outro negro, e sim os Estados Unidos da América", declarou em um discurso durante a convenção nacional do partido democrata em Boston, em 2004.

Apesar das divisões raciais nos EUA, para Elaine Kamarck, professora de políticas públicas da John F. Kennedy School of Government, da Universidade de Harvard, a questão da cor não terá muito impacto. "Há uma mudança nesta geração de americanos, e a questão de raça é menos importante a esses jovens do que às pessoas mais velhas", diz a professora.

A maior parte dos eleitores de Obama se concentra na camada mais jovem da população que vive em meio à diversidade das universidades, influenciados pelo rap e pela música negra em gerale nos americanos de 30, 40 anos, que viveram as mudanças sociais das últimas décadas.

"A verdadeira essência do apelo de Obama é a idéia de que ele representa o idealismo racial a idéia de que raça é algo que os EUA podem transcender", disse Shelby Steele, pesquisadora da Instituição Hoover da universidade Stanford, ao "Wall Street Journal".

"É uma idéia muito atraente. Muitos americanos realmente gostariam de encontrar um candidato negro em quem poderiam votar tranqüilamente para presidente dos EUA.

Origens

Protestante filho de muçulmano, Obama está acostumado a circular entre os mais diversos meios sociais.

Senador democrata por Illinois, ele é filho de Barack Obama, economista queniano negro educado em Harvard, e de Ann Dunham -- branca, de Wichita, no Estado do Kansas.

Nascido em Honolulu (Havaí) em 1961, seus pais se separaram quando ele tinha dois anos.

Obama morou na Indonésia enquanto criança, após sua mãe se casar com um indonésio, e depois viveu no Havaí, com seus avós brancos.

As idas e vindas deram, segundo sua própria opinião, as ferramentas necessárias para que pudesse se tornar um político hábil na hora de fazer coligações e traçar alianças.

"Ele se movimenta entre vários mundos", afirma sua meia irmã, Maya Soetoro-Ng. "É o que fez em toda a sua vida".

Adolescente rebelde

Sua adolescência no Havaí foi marcada não só por uma destacada trajetória escolar, mas também por anos de contravenção.

Na época, Obama experimentou maconha e cocaína, conforme afirma em sua biografia.

Hoje se defende das críticas, feitas principalmente pelo casal Clinton e por assessores de Hillary, dizendo crer "que o americano médio sabe que o que alguém faz quando é adolescente, há 30 anos, provavelmente não é relevante em como vai desempenhar seu papel de comandante-em-chefe e presidente dos Estados Unidos".

Até o momento, apesar de o consumo de drogas ter sido levantado pelos rivais, a questão ainda não afetou sua campanha, na opinião de Kamarck, mas poderia, caso ele seja nomeado candidato democrata, e o Partido Republicano resolva polemizar a questão.

Obama casou-se em 1992 com Michelle Robinson Obama, com quem tem duas filhas: Malia Ann e Natasha

Formação

Apesar da juventude que pode ser taxada de rebelde, Obama obteve uma seleta formação nas universidades de Columbia e Harvard, trabalhou como professor e defensor dos direitos civis em Chicago e foi eleito senador em 2004.

Ajudado por seu carisma e um enorme sorriso, Obama ganhou uma popularidade similar à de um astro de rock. A seu favor joga também uma atitude crítica com o conflito no Iraque, com críticas feitas antes mesmo da invasão do país por tropas lideradas pelos EUA em 2003.

Apesar de se vangloriar de suas experiências de vida, a principal fonte de críticas ao senador deriva de sua inexperiência política, principalmente em cargos executivos.

"Essa é a grande questão", diz Kamarck. Ele tem muito pouca experiência em nível internacional".

Terrorismo

No ano passado, Obama afirmou que, se eleito, poderia enviar tropas ao Paquistão para procurar terroristas. O país é um dos principais e mais importantes aliados dos EUA na "guerra contra o terror", o que fez a declaração causar espanto entre os americanos.

"Sou uma das pessoas que achou essa declaração nada inteligente, pois ela demonstra sua inexperiência", diz a professora de Harvard. Porém, ela afirma que se ele chegar ao cargo e tiver uma equipe para política internacional, "não será assim tão mal".

Obama brinca freqüentemente que o povo não se lembra de seu nome. A própria rede de TV americana CNN teve de fazer recentemente uma correção após confundir o nome do senador com o do terrorista de origem saudita Osama bin Laden, líder da rede Al Qaeda.

Chamá-lo de "Barack Osama", no entanto, não foi um engano cometido exclusivamente pela rede de TV.

Outros políticos, principalmente da oposição, já erraram seu sobrenome algumas vezes.

(FERNANDO SERPONE - Folha Online)

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2008

Bolsões de táxis para Copacabana em estudo


Em entrevista à TV Brasil, o Secretário Municipal de Transportes, Arolde de Oliveira, anunciou que vai estudar a possibilidade de criar bolsões de táxi para atender, através do uso do celular, rádio ou outro sistema avançado de telefonia, a demanda dos passageiros que utilizam o transporte em seus deslocamentos.
Para Arolde de Oliveira, os bolsões poderão atender com agilidade os pedidos das corridas, o que desafogará áreas da cidade, como Copacabana, por exemplo. O bairro possui 38 pontos de táxis, o suficiente para provocar transtornos em algumas ruas.
Segundo o secretário, o Rio conta hoje com uma frota de 31 mil táxis, com centenas deles circulando por Copacabana, uma das principais atrações turísticas da cidade.
"O bolsão é uma alternativa para desafogar os pontos fixos que serão mantidos em shoppings, hospitais e outras áreas", acrescentou. (acs/smtr, 13/2)

terça-feira, 12 de fevereiro de 2008

LUCRO LÍQUIDO DO ITAÚ QUASE DOBRA EM 2007 E ATINGE RECORDE DE R$

O banco Itaú teve lucro líquido de R$ 8,473 bilhões em 2007,
registrando um crescimento de 96,65% sobre o lucro de 2006. O
resultado anual do Itaú superou os ganhos do concorrente Bradesco que,
no ano passado, lucrou R$ 8,010 bilhões. Com o resultado, o banco
também toma do Bradesco a 10ª posição no ranking dos maiores lucros
anuais dos últimos 20 anos entre as empresas de capital aberto.

GOVERNO TRABALHA PARA PÔR ALIADOS NO COMANDO DA CPI DOS CARTÕES

GOVERNO TRABALHA PARA PÔR ALIADOS NO COMANDO DA CPI DOS CARTÕES

O governo trabalha para colocar seus aliados nos cargos estratégicos
da CPI que irá investigar o uso irregular dos cartões de crédito
corporativos. A presidência da comissão deve ficar com o senador Neuto
de Conto(PMDB-SC). Já o relator da CPI deve ser indicado hoje pela
bancada do PT na Câmara.

(CBN Express)